sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Amar ao próximo como a si mesmo é sem mimimi!

"Amar ao próximo como a nós mesmos não é concordar com ele quando se discordar dele. Amar ao próximo como a nós mesmos não é aceitar sua ideologia se você tiver outra. Amar ao próximo como a nós mesmos não é fazer o que ele faz querendo se fazer diferente. Amar ao próximo como a nós mesmos não é ceder a sua vontade quando o certo for dizer não. Amar ao próximo como a nós mesmos não é o doutrinamento cheio de mimimi que querem nos fazer crer através de diversos tipos de militância onde só uma coisa é certa. Se o teu próximo pode dizer não ao teu padrão de vida e ética você também pode. Garantir direitos iguais à vida para padrões divergentes é amar ao próximo como a nós mesmos! Seja você e não o teu próximo, mas ame-o sendo ele quem for."

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Você terá o céu das tuas escolhas!

Você terá o céu das tuas escolhas!

"Não vos enganei: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia para a sua própria carne da carne colherá corrupção; mas o que semeia para o Espírito do Espírito colherá vida eterna." Gálatas 6:7-9

A carne é fraca. O que é a carne?

Entendo essa questão da carne como sendo as nossas entranhas sem governo, sem Deus. Carne é a nossa humanidade destituída de integridade. 

Se eu semear para minha própria carne, ou seja, investir nas loucuras e devaneios da minha alma, nos desejos pecaminosos do meu coração e viver desregradamente ignorando a vontade de Deus revelada em seu filho Jesus e em sua palavra que é a verdade colherei a corrupção deste mundo que são as consequências da prostituição, da impureza, do apetite desordenado, da vil concupiscência, da avareza que é idolatria, da ira, da cólera, da malícia, da maledicência e das palavras torpes, pois por essas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. Colossenses 3:5-8

O Espírito vivifica. Quem é o Espírito? 

O Espírito aqui é a terceira pessoa da trindade divina.

Se eu semear para o Espírito, ou seja, investir em misericórdia, benignidade, humildade, mansidão, longanimidade, perdão, paz e se a palavra de Deus habitar ricamente em meu coração receberei a vida eterna e viverei as consequências destas escolhas que são uma vida cheia de bons resultados. Colossenses 3:12-16

De Deus não se zomba! Cada um de nós terá o céu das suas próprias escolhas!



terça-feira, 2 de agosto de 2016

O cristão precisa sair de dentro do conto de fadas no qual se enfiou!

A pregação das boas novas de Jesus não é só conforto para a alma e misericórdia, mas também se trata de uma confrontação às nossas misérias. Ensinar a palavra de Deus omitindo a cruz prejudica o caráter. Não podemos nos conformar com o mundo e muito menos com um evangelho água com açúcar. O sangue derramado no madeiro não era de cinema. 


As facilidades do evangelho têm um apelo comercial na boca daqueles que buscam agradar antes aos homens do que à Deus. Jesus não foi e nem é politicamente correto. Jesus é reto! Existe uma diferença enorme entre amar o perdido e barganhar com ele. O cristão precisa sair do conto de fadas no qual se enfiou.


Incentivos açucarados não servem para aqueles que estão sofrendo as dores e até mesmo a morte de serem cristãos em regiões hostis ao evangelho. 

O que podemos falar em verdade para quem está terminal?
O que podemos pregar para quem está vivendo um luto?

Críticas e julgamentos não incentivam os fracassados e aos imorais a se tornarem novas criaturas. 

O que dizer em amor à aqueles que estão resistentes à verdade?

O que você fala em nome de Deus precisa ser dito de acordo com as palavras de Jesus. Os amigos de Jó, exceto um, se enforcaram espiritualmente admoestando-o com consolos equivocados. 

Estamos precisando desesperadamente não esmagar a cana que fumega e ao mesmo tempo mostrar que a porta que conduz a salvação é estreita.  


quinta-feira, 28 de julho de 2016

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Será que a fé em Deus faz diferença na vida de uma pessoa?

Você terá que decidir quem irá influenciar tua vida em 2016. Na verdade precisamos escolher em quem esperar ou em quem depositar a nossa boa fé. Se olharmos para o nosso cenário político no Brasil ficaremos desolados e angustiados. Se olharmos para as coisas deste mundo a ansiedade consumirá nossa paz. Se olharmos para terra veremos as aflições, as tempestades, o estado islâmico terrorista, as guerras e tudo o mais que está assolando o planeta e nos sentiremos pequenos, perdidos e desamparados.

O mundo é pesado, a vida não é justa, coisas boas acontecem com pessoas más, coisas ruins prejudicam pessoas do bem, as coisas parecem fora do lugar e na verdade estão, o diabo será diabo, o mal será mal, o ímpio é mau, mas apesar de toda essa dor o Sol da justiça brilhará na casa daqueles que escolherem a palavra de Deus como pão para alimentarem suas  vidas.  

Jesus disse: No mundo vocês terão aflições, mas tende bom ânimo eu venci o mundo. Jo 16:33

"Porque toda que é nascido de Deus vence o mundo; esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé." 1Jo 5:4

Este é o tempo de buscar ao Senhor enquanto se pode achar. Este é o tempo que foi predito na bíblia no qual diz: Nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos...2Tim3:1

Não espere do caos uma ordem. Não espere deste sistema o que só Deus pode te dar!

Entre em 2016 de joelhos na presença de Deus. Termine 2015 de joelhos na presença de Deus. Viva na presença de Deus todos os dias da tua vida!

Escolha pensar com fé, viver com fé e esperar nas promessas de Deus. Quem não aprende a esperar aprende a desesperar.

A fé em Deus vai mudar a tua vida!


segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Deixar o caminho da justiça e endurecer o coração é marcar um encontro com a morte sem perdão.

Salomão já estava dormindo, com certeza, em seu palácio recém acabado de construir quando uma visita marcante chegou e lhe disse: Ouvi a tua oração e escolhi para mim este lugar para casa do sacrifício. Se eu cerrar os céus...mas o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, orar, me buscar e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, perdoarei seus os pecados e sararei a sua terra. Estarão abertos os meu olhos e atentos os meus ouvidos à oração que se fizer neste lugar. Porque escolhi e santifiquei esta casa, para que nela esteja o meu nome perpetuamente; nela, estarão fixos os meus olhos e o meu coração todos os dias. 2Cr7:12-16

Deus foi pessoalmente até a casa do rei salomão para lhe falar diretamente que havia concordado em tudo com a oração dele feita na inauguração do templo. A condição dada, no entanto, pelo Todo Poderoso foi bem desenhada, ou seja, ele afirmou que somente mediante a uma genuína conversão o céu seria aberto novamente.

Então, o que podemos aprender aqui?

A fé sem oração e quebrantamento de um coração arrependido é inócua. Para ter a vida transformada por Deus tem que ser do jeito dele. O caminho do Senhor é o da humilhação e isso quer dizer rendição total. Precisamos chegar ao altar na casa de Deus dispostos a reconhecer nossa insuficiência existencial. Sim, somos pecadores que agimos sem noção e que sofremos com as consequências das nossas escolhas erradas de nossos corações errados.

Deus ouve a nossa oração feita na igreja, sua casa. Deus perdoa. Deus muda a nossa sorte. Deus é misericordioso, mas a sua graça sobre nós não tolera a libertinagem.

Deixar o caminho da justiça e endurecer o coração é marcar um encontro com a morte sem perdão.


quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Ganhar ou perder?

Ganhamos quando escutamos com atenção o que as pessoas querem nos dizer sem ter aquela necessidade de também argumentar.

Ganhamos quando conseguimos dar um abraço em quem já havíamos desacostumado.

Ganhamos quando escolhemos priorizar os bens espirituais nos momentos de provação.

Ganhamos quando ao nosso redor estão as pessoas e não as coisas que se compram e vendem.

Ganhamos quando entendemos que a felicidade sem integridade é uma migalha que rouba o futuro.

Ganhamos quando pensamos com eternidade para realizar um sonho.

Ganhamos quando aprendemos a crer em Deus e a viver em fé.

Perdemos quando nos deixamos dirigir pelas emoções que nos desconcentram da busca pela verdade através da razão.

Perdemos quando seguimos nosso coração estando ele amargo com pessoas em nossas circunstâncias.

Perdemos quando seduzidos pela intolerância julgamos serem melhores as facilidades do dividir.

Perdemos quando queremos ter a razão e não a solução.

Perdemos quando preferimos reter a justiça com as próprias mãos ao invés de flexibilizar com o perdão.

Perdemos sempre quando não consideramos os outros como a nós mesmos.

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

A fé é um salto para a verdade!

A fé tem sido entendida por muitos como um alento para os fracassados, doentes, infelizes, miseráveis e desprestigiados intelectualmente. Posso afirmar com alegria imensa que isto é verdade, graças a Deus!

A fé é para os pobres, mas ela é rica e poderosa! 

Jesus certa vez afirmou que as meretrizes e os publicanos (fracassados) entrariam no reino de Deus antes dos religiosos (sarados) que se viam abastados e ricos. A explicação é simples: Quem se acha está perdido, pois não procura em Deus sua salvação, pois não entende a falta que tem. Quem sabe-se perdido em seu pecado encontra-se em Deus, pois entende a sua carência. 

"Pois dizes: Estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma, e nem sabes que tu és infeliz, sim miserável, pobre, cego e nu." Apocalipse 3: 17

A fé é uma força que dá ao crente condições de vencer suas fraquezas. A fé é um poder que ergue do monturo o necessitado. A fé justifica o pecador. A fé constrói uma nova história para aquele que deseja esse caminho. A fé é um caminho de vida em abundância. A fé é para quem é humilde. A fé é um salto para a luz. A fé é um salto para a verdade. A fé enriquece. A fé refaz a vida de quem a possui.

O que precisa ser esclarecido sobre a fé é que ela não é um sinal de fraqueza ou de falta de ciência, mas sim de inteligência, sensibilidade, humildade e de mente aberta.

Jesus curou os enfermos. Jesus libertou os oprimidos. Jesus atendeu os desprestigiados. Jesus levantou os caídos. Jesus salvou os perdidos. Jesus pela fé atuou em um mundo corrompido quebrando as cadeias espirituais. Tudo Jesus fez através da fé!

Sim, a fé é para quem não se acha, mas que deseja se encontrar. A fé não é para quem observa a vida somente com os olhos terrenos. A fé é para quem tem fracassado, errado, adoecido e pecado. A fé é para quem se entende miserável. Jesus veio chamar os doentes e pecadores ao arrependimento. O problema é que todos são doentes e pecadores, mas nem todos reconhecem. 

Por isso Jesus disse: é mais fácil um camelo passar pelo buraco da agulha do que um rico entrar no reino dos céus.




segunda-feira, 17 de agosto de 2015

O que preciso entender quando estiver buscando mudanças na vida?

 O que preciso entender quando estou buscando mudanças na vida?

Preciso entender que a verdade, somente ela, é a força que liberta do erro. A verdade tem poder de curar a alma. O problema é que estamos sempre querendo discutir e saber mais do que ela, mesmo fracassados em algo, somos teimosos. Infelizmente estamos em todo o tempo querendo definir por conta própria o bem e o mal.

"Portanto, deixem todo costume imoral e toda má conduta. Aceitem com humildade a mensagem que Deus planta no coração de vocês, a qual pode salvá-los. Não se enganem; não sejam apenas ouvintes dessa mensagem, mas a ponham em prática. Porque aquele que ouve a mensagem e não a põe em prática é como uma pessoa que olha no espelho e vê como é. Dá uma boa olhada, depois vai embora e logo esquece a sua aparência. O evangelho é a lei perfeita que dá liberdade às pessoas. Se alguém examina bem essa lei e não a esquece, mas a põe em prática, Deus vai abençoar tudo o que essa pessoa fizer." Tiago 1:21-25

Prestou atenção no texto acima?

O texto fala primeiramente sobre abandonar costumes antigos. Quais costumes preciso abandonar para sempre em minha vida? Depois, fala em sermos humildes em receber a verdade na palavra de Deus, o evangelho. Por último, fala em ouvir a palavra e praticar seus ensinamentos. O resultado é que Deus nos fará abençoados em tudo.

A decisão número um para quem quer viver mudanças significativas é Parar de discutir, rejeitar, criticar, odiar, desprezar, esquecer e subestimar a verdade. Ela tem sempre razão! Quem quer mudar de vida precisa aprender a amar a verdade.



Prefira ser íntegro do que feliz no pecado!

Se você já leu a parábola do filho pródigo na Bíblia conseguiu entender que a decisão dele em partir para uma terra distante e gastar toda a sua parte da herança em uma vida dissoluta foi a pior escolha da sua história. Existem decisões que nos trazem uma felicidade do mal. Quais?

A felicidade sem integridade atrai a ruína em um futuro que sempre chega.

O Filho pródigo com certeza ficou remoendo sobre a sua decisão, antes de partir, em sair da cobertura da casa de seu pai. Ele sentia sede de viver além das suas fronteiras e apostou todas as fichas nessa aventura.

A história na Bíblia mostra que o moço torrou toda a grana com prostitutas, amigos e que no fim se viu sem ninguém, infeliz e pedinte chegando mesmo a comer lavagem de porcos. Ainda bem que este não foi o seu fim, pois ele conseguiu lembrar da sua casa e em como eram tratados os servos, empregados de seu pai, com muita dignidade, coisa esta que ele já não tinha mais. Esse moço pensou em um caminho de volta para o pai e assim o fez.

Como ele foi recebido?

O pai o viu de longe ainda chegando e preparou uma festa, roupas novas e depois o abraçou feliz dizendo: Este meu filho estava morto e reviveu!

As decisões que nos levam para uma felicidade do mal são aquelas nas quais saímos da presença de Deus para podermos conquistar o que queremos.

O Filho Pródigo quis ser feliz em terras distantes longe da influência do seu pai. Sabe quem é o pai?

Deus é o nosso Pai!

A nossa felicidade não pode nos custar a própria vida. O que adianta o homem ganhar o mundo inteiro e depois disso perder a sua alma?

Quem está atualmente em uma terra distante precisa saber que é possível arrepender e fazer as pazes com Deus por meio de Jesus, nosso Salvador. Agora, como a pessoa saberá dessa boa nova? Precisamos pregar o evangelho do reino!



domingo, 22 de março de 2015

Falando com as montanhas

Receber o favor de Deus não é comércio. 

Todos podemos usufruir da graça de Deus. Todos podemos receber suas bênçãos. Não há do que se envergonhar por alcançar favores do Todo Poderoso. O que não pode ser é entender essa relação como um comércio.

Acredito que é difícil e para falar a verdade, não sei se é possível, falar com Deus sem pedir alguma coisa. Toda vez que estou orando me vejo falando das minhas necessidades. As orações são fúteis, em sua maioria. No entanto, creio que podemos aprender a amar a Deus por ser ele quem é. Deus é amor!

Descobrir que a fé não é como um dinheiro espiritual com o qual se compra, sem pagar, as coisas que se quer de Deus é um momento único na vida cristã. Parece aquele dia em que você entende que papai Noel não existe. A verdade liberta a gente dos enganos da vida.

Importante é entender que Deus é abençoador daqueles que o buscam. Em tudo que precisamos Deus é poderoso para fazer infinitamente mais além do que pensamos, mas não podemos ser sem noção de fé. Toda definição de fé na bíblia tem contexto. A fé remove montanhas, mas vá até elas, diga isso e veja o que acontece. Falar com as montanhas é declarar as promessas de Deus nas circunstâncias da vida. Eu posso dizer a "montanha" da pobreza que Deus ergue do monturo o necessitado, pois assim está escrito. Entende?

A fé é uma linguagem de obediência à Deus e a oração é quando focamos em entender a sua vontade, boa, perfeita e agradável, para que ela seja feita, assim na terra como no céu. A fé precisa nos levar para dentro da experiência na qual a palavra de Deus e suas promessas se cumprem em nós. Fé é para recebermos o que Deus preparou para nos dar e não para convencer Deus a fazer por nós o que queremos. A gente não sabe o que precisa, embora saiba o que quer. A fé é uma força espiritual que nos leva ao centro da vontade Divina. 










quarta-feira, 4 de março de 2015

Prefiro morrer de vodka do que de tédio!

"Melhor morrer de vodka do que de tédio"

A frase de efeito acima é do poeta russo Vladimir Maiakóvski que cometeu suicídio e não de vodka. Ela expressa uma filosofia niilista. "A vida é nada" Qual o alcance desta insanidade? Aqui no Brasil ela fez mais uma vítima fatal. Humberto Moura Fonseca. Ele bebeu até morrer em uma festa estúpida promovida por estúpidos estudantes da Unesp.

Será que o jovem pode deixar para morrer quando se tornar idoso? Será que o jovem pode morrer depois de construir uma história de vida? Será que o jovem pode morrer depois de ter vivido um propósito?

-Será que só existe para os jovens universitários duas opções, vodka ou o tédio?

Fiquei triste, muito triste de ver que mais um jovem foi embora desta vida por estupidez e insanidade. Vale a pena dar PT? PT neste contexto não é o partido maligno dos trabalhadores da presidente Dilma, mas significa "perda total", ficar fora de si de tanta bebida alcoólica. Ir às festas dos universitários e dar PT é ser descolado, na cabecinha pequena deles.

A vida é muito curta para ser pequena!(Benjamim Disraeli)

O tédio toma conta do coração, da alma de quem se entrega a vaidade e adota o hedonismo como a essência do seu existir. A vida deve ser com propósito. A vida deve ser com importância.

"Ser importante não é sinônimo de ser rico ou famoso. A maioria das pessoas importantes ainda não se perceberam desta forma. Muitos poderosos, ricos e famosos por serem admirados, conhecidos, temidos e privilegiados sentem-se importantes, mas de fato não o são, pois vivem apenas para si mesmos. O que é ser importante? Ser importante é quando você se relaciona na vida de tal forma que atende as necessidades do seu próximo. Você só é importante quando coopera com a sua comunidade para que ela seja um lugar melhor no mundo. Se você não fizer falta nos corações não será recordado e morrerá por ser desimportante. Ser importante é se importar com o próximo e consigo mesmo. Importar é colocar para dentro do coração as pessoas que cruzam com você na jornada da vida. Seja importante!"

A morte chega cedo para quem vive sem propósito!











sábado, 21 de fevereiro de 2015

Onde iremos viver depois de morrer?

Cada escolha um destino. Cada porta uma saída. Decida-se!

Quando se é jovem parece que perceber a vida com finitude é uma coisa que não tem lugar na cabeça. Realmente a juventude é uma fase da vida muito mágica, mas as exceções existem. Muitos estão em sofrimento neste exato momento, agora.

Refletir sobre a brevidade da vida começa em qual idade?

Sempre chega a hora em que bate o sino, o recreio da juventude acaba e temos que entrar na vida para valer. Uns passarão o tempo todo acuados pela existência. Outros viverão como se não houvesse amanhã. Muitos escolherão a verdade através da razão, apenas. Alguns tratarão de viver da melhor forma possível, dentro da decência, buscando tornar o mundo um lugar melhor. No entanto, existirão sempre aqueles que movidos pelo desejo de continuidade, com fome e sede de justiça, buscarão encontrar Deus, sentido de vida e o amor verdadeiro. Esses passarão por tudo que todos passam, mas encontrarão na fé o caminho para a eternidade. 

Deus não é quem eu penso, mas é quem ele é. Ninguém pode aprisionar o Eterno dentro de definições contingentes. Deus não é uma construção da minha experiência de vida. Deus é além de tudo que possamos imaginar. Não existem palavras que compreendam Deus em sua excelência.

Jesus, o Cristo, veio ao mundo para que todo aquele nele crer não pereça, mas receba a vida eterna. Jesus é a exata expressão de Deus Pai! Só ele nos revelou quem Deus é através de si mesmo e ainda sim levaremos a eternidade toda descobrindo seu Ser.

Posso falar por mim, respondendo a pergunta acima: Desde de muito cedo, criancinha, percebi que a vida era pequena sem Deus. Não vale a pena existir se não for por Ele, para Ele e por meio DEle!

"Porque nele vivemos, e nos movemos, e existimos...também somos sua geração." Atos17:28

Deus existe!