terça-feira, 15 de setembro de 2009

O cravo e a Rosa

"O Cravo brigou com a Rosa. Debaixo de uma sacada.
O Cravo saiu ferido e a Rosa despedaçada.
Não chore Senhora Rosa, o Cravo já vai voltar. Não chore...

O Cravo ficou doente e a Rosa foi visitar...
O Cravo teve um desmaio e a Rosa pôs-se a chorar...
Não chore senhora Rosa ..."

Fico imaginado o "barraco que foi na sacada!
Todos os demais olhando a cena da Rosa sendo despedaçada? Ele arrancou suas pétalas! Ela ficou nua. Sem sua beleza e cor. Será que sobraram-lhe os espinhos?
Foi um "BO" com direito a flordelito!

Sempre o que resta depois da separação são os espinhos e advogados!

É claro que o Cravo tinha que sair pelo menos ferido! A Rosa agiu em legítima defesa e o espetou.
Quem agiria diferente?

Reconheço que ser casado com uma Rosa não deva ser fácil!
Ela é linda, mas como toda mulher deste porte, não é fraca não, nascem com espinhos!
Só depois que seu caule esfria é que amolece. Uma questão de DNA.

Lembro que quando cantava esta música na infância, chorava e ía perguntar para minha mãe se eles ficariam juntos novamente. Ela sempre respondia evasivamente. Ou seja, não respondia!

Hoje, penso que, no caso deles voltaram sim, pois nunca vi um Cravo, doente de amor, desmaiar ao ver entrar sua Rosa, amada, tão por ele despedaçada.
Ficou doente de arrependimento e desmaiou de emoção como quem quando vê e tem medo de injeção!

O que me irrita nesta música, além de toda ela, são aqueles que nela ficam dizendo, para a Rosa:
- Não chora não. Ele vai voltar!
Quem pode garantir a escolha de uma outra pessoa? Nem Deus! Cravos e Rosas têm livre-escolhas!
Além disso,
É claro que é para chorar! Temos que chorar nossas dores!
Rosas Choram, sim! (perdoam, se emocionam fácil e vão atrás)
Os cravos também e têm desmaios! (faniquitos racionais e saem das sacadas)

"Jesus Chorou". NT/João 11:35
(Ao ver o lugar onde Lázaro seu amigo estava enterrado)

Chorem, quando preciso for, ao sentirem dor!
Entreguem suas dores para Jesus!

"Certamente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si..." VT
Isaías53:4

beijos no coração!

3 comentários:

  1. Éh Querida Bispa, realmente as pessoas não entendem a necessidade de processar um luto, para que não sofram o resto da vida. Um luto mal vivido gera traumas para toda a vida, ou melhor, até que conheça a Deus.... Quando acontece algo, todos querem achar palavras de consolo, mas às vezes, o melhor é não dizer NADA. É como nos relacionamentos, tem dia que vc quer apenas a pessoa ao lado, e de preferência que ele não fale nada!!! Mulheres e seus dias....

    ResponderExcluir
  2. Ola irmão!


    Queria convidar você para conhecer o meu blog, o Genizah que horas é pirado e engraçado, horas é exaltado e sério, mas é super do bem e tem como regra levar o Evangelho da Liberdade Verdadeira e a Santa Subversão de Jesus ao mundo egocêntrico e perdido nos seus valores! E, ainda dando tempo, aproveito para tirar uma onda com este pessoal que anda explorando a fé das pessoas e ainda dizendo que são cristãos... Ops!


    Abraços em Cristo e Paz!

    Danilo

    http://www.genizahvirtual.com/

    ResponderExcluir
  3. Pois é Bispa, quantosa de nós não brigamos no abrigo dos nossos telhados, o que não deixa de ser a nossa sacada. Péssima "sacada"! Casais brigam, até descobrirem uma comunicação que não os façam chorar de remorso. Quando li na Bíblia, que precisaria amar meu marido como a Jesus Cristo e ele me respeitar como Cristo respeita a Igreja, descobri ali o caminho do hospital!
    Quando penso no casal que eu e meu esposo nos tornamos, pelo convívio da presença de Deus e quando percebo o que vamos nos tornar, por essa prática: "Posso até chorar..mas alegria vem de manhã..."
    Os nossos espinhos formaram uma coroa que foi cravada na cabeça de Jesus : Choremos todos por esse amor, que no gesto nos libertou para pensar naqueles que ainda precisam de leite para compreender o evangelho.
    Obrigada Bispa Gisela e Bispo Hugo, um casal de Deus, cheios do conhecimento e sabedoria, para nos ensinar até mesmo com um poema, mas sempre com a unção do Espírito Santo!
    Parabéns! Amamos vocês,

    Com carinho de uma família restaurada,

    André, Liliane, Murilo e Andreza

    ResponderExcluir