segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Conclusão do texto "Do pecado original ao juízo final"

O pecado original é o de Adão e Eva. Eles comeram da árvore da ciência do bem e do mal.
Comer deste fruto significou uma escolha por decidir o certo e o errado por conta própria e a revelia de Deus.
O homem não tem condições éticas de criar uma ética universal. A ética humana é sempre relativa e subjetiva.
Só Deus poderia ensinar, mas a história é da forma que foi.
A vida tornou-se difícil!
E agora?
O juízo final está chegando.
Deus fará justiça. A nossa justiça é Jesus.
Ele é o "Adão" que escolheu fazer a vontade de Deus e por isso venceu!
Através de Jesus recebemos a salvação e o perdão dos nossos pecados.
Quem o receber como Senhor, Salvador e o confessar com a boca crendo no coração terá seu nome escrito no livro da vida.
No juízo final este livro será aberto e a justiça será feita.
A vida é do pecado original ao juízo final!

3 comentários:

  1. Bispa, é simples assim só basta aceitar,ou,seja confessar com a boca e crendo no coração temos nosso nome no livro da vida?e tb a vida eterna? Independente de nosso percurso até a nossa morte?

    ResponderExcluir
  2. oi bispa,

    esta mensagem tua está demais.
    tanto eu como a adri (minha esposa) temos conversado demais sobre isso.
    temos conversado sobre a necessidade de nós, pastores, mudarmos nossa pregação. mudar a maneira de apresentar o evangelho. falar sobre a necessidade urgente de arrependimento.

    o evangelho não pode ser tratado como um produto a ser vendido.

    sem arrependimento pode haver salvação?
    creio que não.

    glória a Deus por esta mensagem bispa.

    ResponderExcluir
  3. A salvação é simples para nós que somos salvos.Se fosse complicado ninguém se salvava.
    A fé é possível para todos os homens. Crer é um comando que existe dentro de cada um de nós.Até mesmo os ateus são crentes em suas teorias.
    Quanto ao percurso nosso aqui na terra precisamos de santificação sem a qual ninguém verá a Deus.
    Deus é inteligente e sonda nossas mentes e corações. Ele sabe pesar as nossas obras.
    Fé sem obras é morta, lembra?
    Deus nos deu a capacidade de discernir e escolher o certo. Quem escolhe o certo não vive no pecado. Entende?
    Realmente a salvação é de graça para nós. Agora, é preciso crer na graça de Deus. Às vezes, seria cômodo pagar pela salvação com obras, mas as obras são para a santificação de vida.
    "Quem é salvo em Jesus Cristo vive de acordo com sua fé".
    "Quem diz que é salvo em Jesus, mas vive como um incrédulo nega a própria fé que diz ter."

    Bpa Gisela

    ResponderExcluir