quinta-feira, 1 de abril de 2010

Difícil Resposta

Quem eu penso que sou?

Boa pergunta de difícil resposta, pois geralmente quando estamos indignados fazemos esta pergunta na segunda pessoa do singular.
Eu penso que sou assim...diferente de você, a pesar de sermos iguais.

Iguais nas alegrias e dores.
Diferentes nas cores e sons.

Iguais nos desejos e anseios.
Diferentes nas escolhas e votos.

Iguais nos medos e receios.
Diferentes nos padrões e conceitos.

Iguais ou diferentes, só sei que: não sei quem sou, se eu não puder olhar para você.
Você é sempre um referencial do que posso ser ou não ser.

Quem você pensa que é?

Nenhum comentário:

Postar um comentário