segunda-feira, 27 de junho de 2011

Sinais do Céu!

"Estes sinais hão de acompanhar aqueles que crêem; em meu nome, expelirão demônios falarão novas línguas; pegarão em serpentes; e, se alguma coisa mortífera beberem, não lhes fará mal; se impuserem as mãos sobre os enfermos, eles ficarão curados." Marcos 16:17-18

Carecemos dos sinais, acima descritos, acompanhando a nossa fé. Chegou o tempo de crer com ousadia e ver a glória de Deus.

A fé é o único meio pelo qual os sinais poderão se manifestar. Jesus Cristo nunca deixou alguém que cresse ir embora sem a sua cura. Na verdade, algumas vezes, simples mortais o surpreendiam com suas capacidades de crerem. A mulher siro-fenícia foi uma destas pessoas que tocaram o manto de Jesus de uma forma especial.

"Uma mulher, cuja filhinha estava possessa de espírito imundo, tendo ouvido a respeito dele, veio e prostrou-se-lhe aos pés. Esta mulher era grega, de origem siro-fenícia...Jesus disse-lhe: Deixa primeiro que se fartem os filhos, pois não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-los aos cachorrinhos. Ela respondeu: Sim, Senhor; mas os cachorrinhos, debaixo da mesa, comem das migalhas das crianças. Então, lhe disse: Por causa desta palavra, podes ir, o demônio já sua da tua filha." Marcos 7:25-29

Sempre achei este texto, acima, forte, com conteúdos de rejeição explícitos. Jesus estava sendo observado por seus discípulos e não era do seu feitio humilhar ninguém, mas aparentemente ele respondeu com uma firmeza estranha àquela mulher. Não vou explicar a intenção de Jesus, pois ninguém pode desexplicar o fato ocorrido, mas posso ressaltar a fé incomum vinda da mulher, grega. Ela simplesmente não se abateu com a verdade, pois era verdade o que Jesus havia dito em metáfora sobre os cachorrinhos. Ele, Jesus, veio primeiro para os seus, os judeus. Ela era gentia! Grega! Cheia de deuses e filosofias estranhas, ao ponto de sua filhinha, uma criança, estar endemoniada.

O que desconsertou, surpreendeu Jesus?

A fé de que: "as migalhas que caem da mesa dos filhos" era suficiente para curar sua filha!

"Se tiverdes a fé como um grão de mostarda, direis a esta amoreira: Arranca-te e transplanta-te no mar; e ela vos obedecerá." Lucas 17:6

- Senhor, aumenta-nos a capacidade de crer, para ao menos chegar  a fé das migalhas ou como a de um grão de mostarda!

Misericórdia!

Um comentário: