domingo, 31 de julho de 2011

O crítico é um artista que não teve coragem de enfrentar o palco.

"Sempre estão entre nós, àqueles que só sabem com maestria e grande eloquência ver o lado inumano do ser humano. Esquecem quem são e de onde saíram. São o mesmo pó dos demais. Eles não são piores e nem melhores, mas não querem se ver nos iguais."

Acho de uma grande desfeita ser um humano e ainda sim menosprezar a raça, ser um cristão e se dizer "ex-evangélico", saber que Jesus é o cabeça da Igreja e julgá-la.


Li um texto de uma pessoa que não quis se identificar e que nada tinha de novidade a acrescentar, mas apenas era uma repetição, um mantra crítico das muitas vozes amargas, burburinhos azedos que ecoam por aí, que vociferava sua decepção com o corpo de Cristo. O incrível é que esta ladainha é uma cópia da cópia do xerox do xerox de textos de críticos que poderiam ter sido artistas, mas que não tiveram a coragem de enfrentar o palco, ou se o fizeram não arcaram com os custos de existir no mundo e presos ficaram em seus argumentos de que culpados são os outros. "O inferno é o outro!"

Hoje, e sempre existiu, há um movimento no seio da cristandade de que se pode ser cristão sem ir a Igreja ou que podemos buscar à Deus sem ela. Quase todo ex-evangélico tem uma língua ferina contra a comunhão com os irmãos na Igreja, por causa da sua decepção pessoal. É frustrante viver uma desilusão em relacionamentos em qualquer comunidade, mas a ilusão precisa ser desfeita mesmo, ou seja, não existe ser humano perfeito e maravilhoso. Só Jesus venceu a morte por ele mesmo em profunda unidade com o pai e o Espírito Santo.

Nunca podemos esquecer que as portas do inferno não prevalecerão contra a Igreja.
- O que é ser um ex-evangélico que não quer mais a comunhão de ir e respeitar a Igreja de Cristo, mas apenas criticá-la?

Tição tirado do fogo apaga!

"Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros, porque o amor cobre multidão de pecados."1Pedro4:8

De fato, existem pessoas difíceis e os pecados pioram tudo em uma pessoa, mas quem garante que nós não temos sido elas?

"Misericórdia quero e não sacrifícios, disse Jesus."

domingo, 24 de julho de 2011

O Nada não existe!

Quando entramos de mudança em uma casa para morar, à princípio, ela precisa estar vazia. Certo? Nós temos nossas coisas, aliás, a gente só desconfia que tem muita, justamente, na hora em que o caminhão encosta na calçada e fica dois ou três dias carregando. A certeza deste fato chega quando precisamos arrumar tudo em um novo lugar e entendemos que precisamos nos desfazer de várias coisas inúteis e que estavam sendo guardadas, à toa.

Mudança grande em casa pequena falta espaço. Mudança pequena em casa grande sobra espaço. Nossa casa tem que estar cheia das nossas coisas na medida certa para que seja confortável viver nela. Ok? Agora, tem gente que tem outro padrão, mas o lance aqui é usar esta explanação como metáfora. Refletir sobre as coisas que estão ocupando a nossa vida, isto é, alma, corpo e espírito.

Um lugar vazio será ocupado pelo bem ou pelo mal. Não existe neutralidade!

terça-feira, 19 de julho de 2011

Fé é um resultado de muitas provações!

A gente, no caso eu, sempre pensa em como ficaria a fé, se algo de ruim acontecesse, mesmo. Não que já não tenham acontecido coisas difíceis antes, mas algo que realmente mexesse no queijo! Já leu o livro, Quem mexeu no meu queijo? Tá na hora!

O Apóstolo Pedro com certeza tem sido muito citado em diversas situações durante estes anos todos. Tudo por causa do seu modo de agir e falar nas circunstâncias que viveu junto ao Senhor Jesus. Tinham momentos nos quais que ele realmente acertava o alvo e arrancava do mestre elogios. "Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei minha Igreja e as portas do inferno não prevalecerão contra ela." Noutros, chutava a canela do mestre!
- Oh! Jesus tem compaixão de ti...não morras crucificado e blá blá blá. "Arreda-te satanás, pois cogitas nas coisas dos homens!"

Eu, no caso, a gente, oscila em momentos de fé absurda, de mover montes e secar figueiras, e sentir medo de continuar crendo quando a situação é: O "Mestre foi preso!", e agora?

Existem para mim duas cenas muito comoventes nos evangelhos e decisivas para a fé de um cristão. A primeira é quando antes de o galo cantar, Pedro nega a Jesus três vezes, apavorado, e seu olhar encontra-se com o dele naquele exato instante, único e revelador. "Seu mestre estava sendo preso e seria torturado, morto, crucificado e ele, covardemente, o estava negando. Ele que dissera: Ainda que todos te deixem, jamais te abandonarei!". A segunda cena é quando Jesus, já ressurreto, prepara na praia peixes sobre as brasas e espera o mesmo Pedro chegar, deprimido, de uma pescaria sem sentido de vida.

A nossa fé pode ser muito estranha! Quando menos se esperar pode-se negar a Jesus em uma situação. Quando menos ainda se esperar nossa fé pode agigantar-se em uma outra situação, talvez, até mais difícil!

Certo é : Nossa será provada pelo fogo! aprovada é o que desejamos ter!

Chorar não é desistir, mas apenas sentir a vida, como ela é! O importante será batalhar pela fé!

sábado, 16 de julho de 2011

Seara grande, mas novos trabalhadores em SP!

Casa Arrumada - Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)

Casa Arrumada



Casa arrumada é assim:

Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.

Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.

Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...

Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo: Aqui tem vida...

Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.

Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.

Sofá sem mancha?

Tapete sem fio puxado?

Mesa sem marca de copo?

Tá na cara que é casa sem festa.

E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.

Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.

Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,

passaporte e vela de aniversário, tudo junto...

Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.

A que está sempre pronta pros amigos, filhos...

Netos, pros vizinhos...

E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia. Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.

Arrume a sua casa todos os dias...

Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...

E reconhecer nela o seu lugar

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Líderes cheios de religiosidade e de si mesmos escondem-se em pecados alheios!

Existe um pensamento, equivocado, na cristandade, hoje, que, se algum cristão estiver passando por situações específicas, sem explicação espiritual, que agrade o triunfalismo da teologia da prosperidade, reinante, é porque este pobre miserável, cristão, merece viver o que está vivendo, pois está colhendo o que plantou. Horrível!

O Rei Davi fugindo de uma perseguição, injusta, por tanto, não semeou o sofrimento que estava vivendo, passar necessidades, entrou na casa de Deus e comeu os pães da proposição, os quais não lhes era lícito comer e compartilhou a refeição com aqueles que com ele estavam e foi abençoado por Deus! Mateus 12:4

Jesus usou este fato ocorrido com Davi, como um exemplo de misericórdia de Deus. A religiosidade de muitos líderes cristãos está mais preocupada em manter o poder nas mãos e controlar o rebanho de Deus do que exercer a verdadeira religião, visitar os órfãos e atender as viúvas em suas necessidades, ou seja, ajudar os desesperados, independentemente se eles merecem sofrer ou não.

Jesus disse: Mas, se vós soubésseis o que significa: Misericórdia quero e não holocaustos, não teríeis condenado inocentes. Mateus 12:7

Quem se deixar enganar pela religiosidade, orgulhosa, de teologias triunfalistas de prosperidade, acabará por condenar inocentes, ao invés de salvar, ovelhas exaustas.

- Quem estiver sem pecado que atire a primeira pedra! Disse Jesus, certa vez, aos religiosos da sua época, loucos para apedrejar uma adúltera, esta sim, semeou seu sofrer, mas mesmo assim, o olhar do Senhor foi de compaixão e perdão.

DEUS É AMOR!

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Gratidão!

"Quando você entende o tudo que poderia ter sido de ruim, em uma situação e não foi, as tuas entranhas em Deus mudam de um lugar "fé comum" e sobe uma escadaria que toca o céu, onde está o Trono da Graça do Altíssimo".

terça-feira, 5 de julho de 2011

ELE É CONTIGO Thales Roberto

Sei que Deus é conosco. Jesus é o Emanuel prometido pelo anjo Gabriel a Maria, virgem que foi sua mãe aqui na terra. Ele é contigo!

A vida pode mudar de repente, sem avisos prévios!

O oposto da fé não é a dúvida, mas o medo. Construir certezas e novos paradigmas é através de um sistema de dúvidas. Precisamos questionar o que sabemos com coragem. Duvidar de crenças engessadas. A fé te leva para longe de certezas que não crescem mais.

A fé na Palavra de Deus te move em direção a verdade. A verdade liberta! Através de experiências limites podemos aprende a crer com mais inteligência espiritual. Crer também é pensar! Fé é com razão!

Não tenha medo das suas dúvidas, mas tema as tuas certezas que não podem mais ser questionadas. A única palavra que não passa é a palavra de Deus. Teologias passam! Nossa fé deve ser fundamentada em Cristo.