sexta-feira, 23 de março de 2012

Curtindo a tristeza

A boa tristeza é aquela que te obriga a rever os passos, as direções tomadas e os anseios da alma. A má tristeza é aquela que diz o tempo todo que nada mais vai dar certo e que só te resta enterrar os sonhos.

A boa tristeza que gera arrependimento para a salvação vem de Deus. A má tristeza é carregada de sentimentos de morte e só pode vir do mundo.

"Porque a tristeza segundo Deus opera arrependimento para a salvação, da qual ninguém se arrepende; mas a tristeza do mundo opera a morte." (2Coríntios 7:10 ARC)

-Você já tinha lido este texto antes?

A gente só abandona o erro quando o mal recebido em troca se torna excessivamente ruim. Nossa tendência é resistir o quanto aguentar a dor. Infelizmente!

Entendo que com a tristeza que vem de Deus nós podemos mudar nossas vidas para melhor seguir em diante. É preciso verter lágrimas que nos esvaziem do mal. Sentir essa tristeza é viver a dor que transforma a alma. Não podemos nos privar dos momentos preciosos deste sofrer.

"Curta a tristeza quando ela doer no coração!"

terça-feira, 20 de março de 2012

Não aceite sem refletir as frases dos microblogs!

Fico perplexa em ler as frases curtinhas que expressam as crenças mais diversas sobre a vida humana nos microblogs existentes. A maioria delas incentiva o viver um tipo de vida acima de qualquer fracasso.

"você é um vencedor e as muralhas se derreterão ante o teu olhar!"

Acredito que a vida é maior que a morte, mas a morte mata. Acredito que a benção constroi, mas a maldição destroi. Acredito que em Cristo somos mais que vencedores, mas Ele mesmo sofreu, padeceu, foi humilhado, injustiçado, desprezado, abandonado, rejeitado, cuspido e assassinado. Na verdade, Jesus venceu a morte morrendo para depois ressucitar.

A frase acima, criada jocosamente por mim, fala de um olhar de fogo como o daquele personagem dos filmes do X-Men, o Ciclope, é um exemplo da mais perfeita falta de noção sobre a realidade da vida. Como ela muitas outras frases estão sendo despejadas a todo instante por meio da internet.

Querem negar a vida o sofrimento que lhe é devido. Viver também é perder, chorar, errar, fracassar, frustrar e, etc. Não que tudo se resuma a dor, mas o mundo jaz no maligno. Em eclesiastes um livro da Bíblia, diz assim:

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou; tempo de matar e tempo de curar; tempo de derribar e tempo de edificar; tempo de chorar e tempo de rir; tempo de prantear e tempo de saltar; tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar e tempo de afastar-se de abraçar; tempo de buscar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de deitar fora; tempo de rasgar e tempo de coser; tempo de estar calado e tempo de falar; tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz. (Eclesiastes 3:1-8 ARC)

Nós somos mais que vencedores sim e por isso podemos passar por várias situações na vida que em nenhuma delas desistiremos de servir ao Senhor.

"Nada temas das coisas que hás de padecer...Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida" (Apocalipse 2:10 ARC)

sábado, 17 de março de 2012

Vida de joelhos

"Porque está escrito: Pela minha vida, diz o Senhor: que todo o joelho se dobrará diante de mim, e toda a língua confessará a Deus"

Para dobrar os joelhos em vida é preciso primeiro quebrantar o coração.

Nosso coração é feito de histórias da nossa própria vida. Nossas experiências o forjam no dia dia. Temos que permanecer atentos e sensíveis para não consentir com o seu endurecimento.

- O que faz mal ao coração? Entendo que é a perda da esperança na dor da alma.

Se desistirmos de viver a vida pagando o mal com o bem, cedendo a túnica, andando mais uma milha, perdoando quem nos tem ofendido e sendo perdoados, a sequidão de estio arruinará a carne do nosso coração.

Viver é muito mais do que respirar todo dia e fazer todas as coisas deste mundo. Viver é não se conformar com este sistema embrutecido que jaz no maligno. Viver é dobrar os joelhos para Deus e jamais se quebrantar para uma amargura que possa nos afastar do seu amor.

"Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura,
brotando vos perturbe, e por ela muitos se contaminem".

VIDA DE JOELHOS!