segunda-feira, 28 de maio de 2012

Deus é quem ele é sem a nossa ajuda

Fico enjoada de ouvir e ler bobagens sobre a pessoa de Deus. É muito fácil falar DEle. Difícil é falar com verdade e humildade. Acredito que podemos explicar com nossas próprias experiências e palavras quem Deus tem sido para nós sem contudo fazer disso uma teologia ou doutrina a ser ensinada como a vontade suprema e absoluta de Deus para todos. "Nossa experiência pessoal espiritual divina não é uma verdade absoluta de Deus para o mundo" Falar de Deus é falar de um ser que se revela no íntimo de cada ser humano. Quem se propõe a pregar o Evangelho de Jesus Cristo deve respeitar o fato de que Deus é quem Ele é sem a nossa arrogante ajuda. Deus é um ser que são três pessoas em uma perfeita unidade existencial. Quem é doutor neste assunto? Quem pode dizer que entende tal complexidade? Não sabemos direito quem somos como poderemos dizer quem Deus é? Não sabemos explicar plenamente com a nossa ciência a nossa existência e universo como definiremos Deus em sua eternidade? Precisamos ter uma postura mais humilde quando formos falar da pessoa de Deus, pois corremos o sério risco de falar inconvenientemente sobre a sua pessoa. O que Deus pensa sobre o que nós temos pensado dele e ensinado? Fazer de nossas vivências espirituais uma religião a ser seguida é entrar num lugar escuro. Os cristãos são comissionados a pregar o evangelho de Jesus Cristo e não o evangelho segundo suas experiências pessoais. Não pode existir o evangelho segundo Gisela Sanchez, (Eu). Precisamos ensinar o que está escrito na bíblia e deixar que o Espírito Santo de Deus que é o único capaz de trazer revelação de quem Deus é aos corações dos homens, sem errar, fazer o seu trabalho. " O homem quem quer que ele seja interpreta Deus. Só o Espírito Santo fala por Deus sendo Deus." A religiosidade impera quando o homem ensina doutrinas que são preceitos humanos na Igreja! Não podemos roubar a glória de Deus na coisa mais preciosa da sua Graça que é o fato de ter escrito suas leis em nossas mentes e corações. Podemos confiar que Deus sabe se revelar a cada filho seu em particular. Podemos pregar a sua palavra com clareza naquilo que ela é clara e podemos pregar com simplicidade deixando em aberto o que não está claro. Quando o homem se intromete no caráter de Deus se projetando Nele está criando um deus a sua própria imagem e semelhança. - Senhor, dá-nos temor e tremor para falar de ti ao teu povo. Concede-nos a tua sabedoria para ouvir a tua palavra como aqueles que aprendem. "Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz a Igreja!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário