terça-feira, 14 de maio de 2013

Agora, o casamento no civil entre pessoas do mesmo sexo, pode!

"Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus". Esta é, sem dúvida, uma das frases mais famosas de Jesus e expressa o seu pensamento com relação as coisas do sistema mundo. Ele não livrou o seu povo, judeu, da escravidão romana e nem de seus impostos, mesmo discordando do abuso político.

Ele mesmo, também, disse que o mundo jaz no maligno e que os cristãos sofreriam aflições, etc. Nunca disse que que nossa vitória, referindo-se aos cristãos, seria política ou social, mas sim dentro de um  universo interior contra o pecado. Deus escreveu a verdade do seu reino dentro de nós! Ninguém é obrigado a concordar com a palavra de Deus e nem a discordar dela. A coisa mais preciosa no evangelho de Jesus Cristo é justamente a preservação da livre escolha do ser humano.

Os direitos humanos são para os humanos e criados por eles e para eles!

Deus tem a sua palavra, sobre a qual vela sem pestanejar, onde está escrito que: Os céus e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar! A Palavra de Deus é para todos os povos, para a humanidade, o universo e todos os seres que existem. O ser humano foi criado a sua imagem e semelhança e por isso, tem o direito de escolher entre o certo e o errado, entre obedecer ou não aos ensinamentos DEle. O cristão não precisa temer o sistema mundano ou possíveis leis que possam perseguir e matar a carne, mas que não podem destruir a fé dentro de uma pessoa naquilo que é verdadeiro. Todos devemos temer, antes de tudo, Àquele que pode fazer perecer eternamente nossas almas e corpos. Não existe lei humana ou direito humano capaz de abolir a verdade de quem Deus se revelou ser em seu filho amado, Jesus Cristo. 

O que é pecado? Está escrito na bíblia que toda injustiça é pecado!

Quem é justo em si mesmo? Quem pode atirar a primeira pedra? Quem pode julgar sem condenar a si mesmo?

A Igreja Cristã está no mundo como corpo de Cristo e o seu papel é anunciar a salvação, o perdão, a verdade, o amor, a justiça, a palavra de Deus e informar que o inferno existe, mas que se houver arrependimento, transformadão de vida e se o pecador abandonar seus erros, receberá a Vida Eterna. Todos nós somos pecadores e cada um de nós precisamos nos arrepender das nossas injustiças, sejam elas quais forem.

-Quais são os seus pecados ocultos? Publique-os nas redes sociais, muitos fazem isso, sem saberem que já o estão fazendo.

Acredito que cada vez mais ficará nítida a diferença entre os que servem a Deus e o obedecem daqueles que desprezam seus ensinamentos. O cristão precisa entender que o mundo ouve a "César" e aceitar o pecador com ele é hoje e sempre foi, isto é, pecador, morto em seus delitos e pecados.

A Igreja deve manifestar a verdade da Bíblia e deixar que as pessoas escolham quais leis querem seguir.

Agora, o nosso direito, enquanto cristão, deve ser respeitado em nossas doutrinas e dogmas. A Igreja cristã não pode ser obrigada a infringir as leis de Deus em favor de nenhum segmento na sociedade ou filosofia. Devemos e podemos defender a nossa fé, no caso aqui, cristã, e ainda sim, amar ao próximo como a nós mesmos. O nosso desafio é grande mesmo! Amar o pecador e discordar do seu pecado! Pregar a verdade, mas não usá-la para atacar e condenar os discordantes, ateus e incrédulos. 

O nosso país é laico, mas o povo pode ser crente, cristão, evangélico, católico e o que quiser ser em termos de religião. Eu sou flamenguista e torço pelo São Paulo, mas não desejo o mal para quem não pensa ou sente como eu. Intolerância é intolerável! 

Se pessoas adultas do mesmo sexo querem casar no civil e terem seus direitos garantidos que se casem! Que o Estado legisle sobre a questão!

O que não pode acontecer e está querendo acontecer, aos poucos, é a criação de leis que obriguem a Igreja que é Divina, seja qual for, ir contra seus princípios, fazendo-a celebrar uniões entre pessoas do mesmo sexo, se não concordarem. Mundo é mundo. Igreja é Igreja.

O que está, também, profundamente errado é a doutrinação por parte do Estado sobre a questão moral da sexualidade nas escolas. A educação formal deve ensinar sobre sexo dentro da biologia. Biologicamente existe o gênero masculino e feminino e ponto final. Quem educa sexualmente e ensina valores morais as crianças são suas famílias. Essa deve ser nossa bandeira daqui para frente! Precisamos manter o direito em família de dizer o que é certo ou errado aos nossos filhos. Toda passeata deve ser respeitada! Um país deve respeitar todos os segmentos de uma sociedade e nunca privilegiar um em detrimento de um outro!

Um direito termina quando começa o do outro!













Nenhum comentário:

Postar um comentário