domingo, 23 de junho de 2013

Os vinte centavos que faltavam para transbordar a taça da indignação!

O povo foi para a rua por causa de vinte centavos de reajuste no passe de ônibus que foi como a gota de água que faltava para transbordar a sua taça cheia de indignação com os abusos cometidos pelos seus governantes. O brasileiro está surtando com tantos impostos e quase nenhum retorno em benefícios como, por exemplo, boa educação gratuita e direito a saúde gratuita com excelência.

Acredito que o Gigante povo brasileiro acordou do coma e saiu do estado miserável de impotência e alienação com o carnaval, futebol, balada, pizza e semelhantes. Os nossos governantes subestimaram por muito tempo a nossa inteligência e a nossa capacidade de dar um basta na corrupção aprendendo a votar direito e a protestar usando as ruas do Brasil para marchar. Acontece que, hoje, todos nós estamos familiarizados com a democracia e a internet. A globalização é irreversível. Tudo que está acontecendo no mundo podemos ver em tempo real em nossos celulares, computadores, televisões e tablets. As redes sociais unem as pessoas em um só propósito no mundo inteiro em horas. As imagens das coisas que acontecem e que antes víamos somente por causa dos jornalistas agora são postadas por milhares de milhares que andam armadas com seus celulares filmando e fotografando tudo e todos o tempo inteiro.

Estamos vendo com os nossos olhos que o povo no Brasil e os brasileiros no mundo inteiro estão dispostos a fazerem valer seus direitos. E agora? Só Deus para frear um propósito, mas creio que foi ele quem disse aos nossos ouvidos: Acordem! Saiam as ruas e clamem por justiça! Levantem-se contra a corrupção! Chega de sambar na miséria! Aprendam a votar! Exijam integridade e ficha limpa  dos políticos para que possam exercer seus cargos.

Com certeza Deus não apoia a anarquia, o vandalismo, os saques, os roubos, as depredações e a violência, mas também não tolera a injustiça e a corrupção. Que fique bem claro!

A nossa presidenta Dilma foi em seu passado político ativista de um movimento de esquerda que acreditava em luta armada contra a ditadura, vigente na época, em um Brasil assustado e oprimido. Recentemente ela disse em uma reportagem que em nada se envergonhava da sua história de vida, pois bem, também em nada nos envergonharemos, como povo, em termos varrido o Brasil com protestos nas nossas ruas contra a ditadura da corrupção generalizada e sustentada pelos nossos governantes.

"Ninguém ao acordar está bonito e pronto, antes precisa se arrumar para poder sair e viver o seu dia. O povo brasileiro acordou e saiu as ruas descabelado e às pressas, mas voltou para casa e vai se organizar, refletir. Agora, ele já sabe o caminho da luta pacífica e entendeu que pode mudar o cenário político da nação. Agindo Deus, quem impedirá?"

Ordem e Progresso!








Nenhum comentário:

Postar um comentário